O padrão dos défices orçamentais (%pib) é fortemente marcado pelo ciclo eleitoral (pico em 1991) e pela recessão (1993/94) mas ainda pelas medidas fiscais de 1989 (IRS) e 1992 (harmonização do IVA), só começando a trajectória descendente em 1995 com o consenso PSD/PS acerca da política a médio prazo.
Contudo a existência de um programa de convergência de 1991 a 1995, actualizado em 1993, explica que os mercados tenham aceite bem a deterioração do défice em 1993, altura em a nossa dívida recebeu um upgrading para AA- pela agência de notação Standard & Poors.
 
Carregue aqui para ver o trabalho original (em inglês)
Carregue aqui para regressar ao resumo do Expresso